Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2313
Título: Educação na capital paulista: um ensaio avaliativo da política municipal 2001-2002
Autor(es): SILVA, Camilla Crosso
GHANEM, Elie
RIBEIRO, Vera Masagão
Palavras-chave: POLÍTICA EDUCACIONAL;GOVERNO MARTA SUPLICY;AVALIAÇÃO EDUCACIONAL;EDUCAÇÃO MUNICIPAL;CONTROLE SOCIAL DAS POLÍTICAS PÚBLICAS;INDICADORES SOCIAIS;AVALIAÇÃO DE GESTÃO
Data do documento: Mar-2004
Editor: Instituto Pólis
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Instituto de Pesquisas Especiais
Ação Educativa Assessoria Pesquisa e Informação
Observatório dos Direitos do Cidadão
Citação: SLVA, Camilla Crosso, GHANEM, Elie, RIBEIRO, Vera Masagão. Educação na capital paulista: um ensaio avaliativo da política municipal (2001-2002). São Paulo: Instituto Pólis; PUC/SP. 2004. 76p. (Observatório dos Direitos do Cidadão: Acompanhamento e análise das políticas públicas da cidade de São Paulo, 20).
Resumo: Este documento apresenta um balanço avaliativo da política municipal de educação durante os dois primeiros anos da gestão Marta Suplicy em São Paulo. A Ação Educativa aceitou o convite do Instituto Pólis e do Instituto de Estudos Especiais - PUC/SP para realizar esse trabalho no âmbito do Observatório dos Direitos do Cidadão, tendo em vista a relevância da tarefa nele implícita: desenvolver parâmetros avaliativos que subsidiem o controle social das políticas públicas no campo da educação. Entre julho e setembro de 2003, realizou-se uma primeira coleta de informações, tomando-se como referência as metas propostas pela própria Secretaria Municipal de Educação. As primeiras análises sobre esses dados indicaram a conveniência de estabelecer um marco de referência mais amplo que viabilizasse a comparação do desempenho dessa administração com as anteriores e a identificação de tendências e inflexões na evolução de indicadores relativos aos problemas prioritários da realidade educacional. A limitação dos dados disponíveis, somada a do tempo e a dos recursos para produzi-los no âmbito desta iniciativa, não permitiu que tal projeto fosse cumprido integralmente. Se em alguns casos as evidências reunidas são sugestivas, em muitos outros as lacunas na informação não permitem julgamentos conclusivos. Ainda assim entendeu-se que o quadro analítico desenvolvido e os dados reunidos a partir dele foram úteis, não só pelo que puderam exprimir, mas também como referência para futuras avaliações e como sinalização do tipo de informação que é necessário produzir para viabilizar análises consistentes das políticas educacionais. Os dados utilizados na avaliação foram coletados em fontes documentais (páginas eletrônicas da Prefeitura do Município de São Paulo e de outros órgãos que produzem estatísticas educacionais; publicações e material de divulgação de programas e projetos produzidos pela Secretaria Municipal de Educação). Também foram realizadas entrevistas com representantes de órgãos administrativos superiores e intermediários da Secretaria, sindicalistas e parlamentares, professores da rede escolar municipal, além de especialistas em algumas temáticas abordadas. As entrevistas serviram, principalmente, para levantamento de informação ou para balizar as análises – não foi possível realizá-las em número suficiente para que pudessem representar a visão dos diversos atores envolvidos com a problemática avaliada, elemento considerado relevante, mas que ultrapassava o escopo deste trabalho.
Descrição: PERIÓDO DA PESQUISA: 2003. PESQUISADORES RESPONSÁVEL: Camilla Croso Silva, Elie Ghanem, Mariangela Graciano, Vera Masagão Ribeiro (Ação Educativa). FONTE DE FINANCIAMENTO: Observatório dos Direitos do Cidadão – Instituto Polis e Instituto de Estudos Especiais / PUC-SP.
URI: http://www.bdae.org.br/dspace/handle/123456789/2313
Aparece nas coleções:Educação na capital paulista: um ensaio avaliativo da política municipal 2001-2002
Publicações AE (todas)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
avaliacaoeducacaomunicipal.pdf424.05 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.