Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2063
Título: O PERCURSO DO JOVEM EXECUTIVO NA ARQUITETURA DO PODER DAS ORGANIZAÇÕES SOB O PONTO DE VISTA PSICANALÍTICO
Autor(es): CATANI, Afranio Mendes
SCHIRATO, Maria Aparecida Rhein
Palavras-chave: PODER;ORGANIZAÇÃO;PSICANÁLISE;EDUCAÇÃO
Data do documento: 2006
Editor: UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
Resumo: O OBJETIVO DESTA TESE É ANALISAR, A PARTIR DE UM PONTO DE VISTA PSICANALÍTICO, A VIDA DE JOVENS EXECUTIVOS: SUA EDUCAÇÃO, SUA FORMAÇÃO CULTURAL, SUA INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO E SEU ACESSO A ALTOS NÍVEIS DE PODER DENTRO DAS ORGANIZAÇÕES. PARA TANTO, FOI NECESSÁRIA COMO REFERÊNCIA A TEORIA DE SIGMUND FREUD E DE ALGUNS DE SEUS SEGUIDORES. IMAGINAMOS COMO SERIA UMA VISITA DE FREUD ÀS ORGANIZAÇÕES ATUAIS: QUAL SERIA SUA LEITURA E COMPREENSÃO SOBRE O JOVEM TENDO ACESSO AOS VÁRIOS NÍVEIS DE PODER E QUAIS AS SUAS CONSEQÜÊNCIAS. O DESENVOLVIMENTO DESTA TESE DEMANDOU ALGUMAS CONSIDERAÇÕES RELATIVAS: A ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS, COM RELAÇÃO ÀS POLÍTICAS DE RECURSOS HUMANOS E QUALIDADE, E À EDUCAÇÃO, COM RELAÇÃO À INTERVENÇÃO DOS PAIS E EDUCADORES NAS ESCOLHAS DOS JOVENS. NO PRIMEIRO CAPÍTULO ?A ARQUITETURA DO PODER ORGANIZACIONAL?, BUSCAMOS DEFINIR, SOB O PONTO DE VISTA PSICANALÍTICO, O PODER. O QUE É O PODER? POR QUE DIZEMOS ARQUITETURA DO PODER E NÃO SIMPLESMENTE ESTRUTURA DO PODER? QUESTÕES QUE NOS AJUDARÃO A FIRMAR CONCEITOS, SOBRE OS QUAIS SE CONSTRUIRÁ A ANÁLISE E A INTERPRETAÇÃO DOS DADOS LEVANTADOS AO LONGO DA PESQUISA. AS CARACTERÍSTICAS PECULIARES DO PODER, SUA ORIGEM E IMPORTÂNCIA NA CIVILIZAÇÃO E, CONSEQÜENTEMENTE, SUA LEGITIMIDADE SÃO OS PONTOS DISCUTIDOS NESSE CAPÍTULO. ASSIM, ACREDITAMOS GARANTIR UM ENTENDIMENTO DO PODER QUE ESCLARECERÁ AS ABORDAGENS SUBSEQÜENTES DO TEMA. NO CAPÍTULO SEGUNDO ?O JOVEM EXECUTIVO NO CENÁRIO ATUAL DAS ORGANIZAÇÕES?, FALAREMOS SOBRE O CONTEXTO DE TRABALHO ONDE O JOVEM INICIA O SEU PERCURSO PARA O PODER E ASSUME, DE FATO, NOS VÁRIOS SETORES DA ORGANIZAÇÃO, CARGOS DE LIDERANÇA. É FUNDAMENTAL CONSIDERARMOS NESSE MOMENTO OS ASPECTOS RELEVANTES QUE COMPÕEM UMA EMPRESA NOS MOLDES DA MODERNIDADE: SEUS VALORES, SUA ESTRUTURA DE RELACIONAMENTO INTERNO, SUAS PRINCIPAIS POLÍTICAS E SEUS DESDOBRAMENTOS NA VIDA DO INDIVÍDUO, SOB O ASPECTO DE SUA SATISFAÇÃO OU NÃO COM O TRABALHO REALIZADO E SUA SAÚDE FÍSICA E EMOCIONAL. PARA TAL, SEGUIMOS A SUGESTÃO DE ZIGMUNT BAUMAN, PSICANALISTA POLONÊS, PROPONDO UMA VISITA IMAGINÁRIA DE FREUD, NOS DIAS DE HOJE, ÀS ORGANIZAÇÕES. COMO SERIA, PARA FREUD, VER E SENTIR ESSAS ORGANIZAÇÕES, SUAS PESSOAS, SEUS OBJETOS DE TRABALHO, SUAS POLÍTICAS E METAS E SEUS DESDOBRAMENTOS SOCIAIS? PARA QUE ESSA VISITA IMAGINÁRIA FOSSE BEM SUCEDIDA, FOI PRECISO CONTEXTUALIZAR FREUD NO SEU MAPA ORIGINAL, QUE CHAMAMOS DE CLAVES, ATRAVÉS DAS QUAIS FOI COMPOSTA A SUA OBRA: COMPLEXO DE ÉDIPO E NARCISISMO. COM ESSAS CONSIDERAÇÕES FUNDAMENTAIS PARA A PSICANÁLISE, FOI POSSÍVEL FAZER A COMPREENSÃO DA ASCENSÃO AO PODER E SUA MANUTENÇÃO. DESTACAMOS COMO IMPORTANTES, PARA ESSE CENÁRIO, AS POLÍTICAS DE RECURSOS HUMANOS E QUALIDADE COMO AS RESPONSÁVEIS PELAS DIRETRIZES DA ORGANIZAÇÃO E EMISSORAS DE REVERBERAÇÕES DE SEUS PRINCÍPIOS E VALORES PARA TODOS OS DEMAIS SETORES. NO CAPÍTULO TERCEIRO ?A EDUCAÇÃO DO JOVEM EXECUTIVO POSTA EM QUESTÃO?, RETROCEDEMOS AINDA MAIS NO TEMPO PARA MELHOR COMPREENDER O JOVEM EXECUTIVO. SE JÁ FALAMOS O QUE É O PODER QUE ELE PROCURA, SE FALAMOS ONDE ELE O BUSCA E O ACESSA, É PRECISO TECER CONSIDERAÇÕES SOBRE O PROCESSO DE FORMAÇÃO EDUCACIONAL DESSE JOVEM NO QUE DIZ RESPEITO AOS PAIS E EDUCADORES EM GERAL. EM OUTRAS PALAVRAS, COMO É ESSE JOVEM QUE BUSCA O PODER? QUAL SUA FORMAÇÃO FAMILIAR? QUAL SUA FORMAÇÃO ESCOLAR? COMO FOI SUA INSERÇÃO NO MUNDO DO ADULTO? PARA CONTEMPLARMOS ESSAS QUESTÕES, FOI PRECISO TRAÇAR APROXIMAÇÕES ENTRE PSICANÁLISE E EDUCAÇÃO. COM AUTORES DE AMBAS AS PARTES, DESCREVEMOS O ITINERÁRIO EDUCACIONAL, A INTERVENÇÃO DA FAMÍLIA, A QUESTÃO DA VOCAÇÃO E A FORMAÇÃO DE VALORES. NO QUARTO CAPÍTULO ?TRABALHO DE CRIANÇA-BRINQUEDO DE ADULTO?, FAZEMOS AS ASSOCIAÇÕES ENTRE AS ESCOLHAS PROFISSIONAIS TÍPICAS DO MUNDO ADULTO E O BRINCAR COMO O TRABALHO QUE A CRIANÇA REALIZA. CONSIDERAMOS A IMPORTÂNCIA DA CRIATIVIDADE NO TRABALHO QUE SÓ SE MANIFESTA NA MEDIDA QUE O LÚDICO ESTÁ PRESENTE NO FAZER E, ESSE FAZER ESTÁ PRESENTE NO BRINCAR DA CRIANÇA. A CONSTITUIÇÃO SAUDÁVEL DA PERSONALIDADE, ATRAVÉS DO BRINCAR E, POSTERIORMENTE, DO TRABALHAR LEVA À DESCOBERTA DE SI MESMO (VERDADEIRO SELF). ILUSTRAMOS ESSE CAPÍTULO COM QUATRO TOMADAS DE DEPOIMENTOS DE JOVENS EXECUTIVOS: DOIS RAPAZES E DUAS MOÇAS. PERGUNTAMOS SOBRE SUAS VIDAS, SUAS ESCOLHAS E COMO ADMINISTRAM SEUS TRABALHOS. O RESULTADO É UM PANORAMA EM QUE A RELAÇÃO ÍNTIMA ENTRE O TRABALHO, O RELACIONAMENTO COM A FAMÍLIA, AS ESCOLHAS FEITAS, A VOCAÇÃO E A DESCOBERTA DO SELF NOS REVELAM ASPECTOS PSICOLÓGICOS E ÉTICOS DO PODER QUE SE ESTENDEM PARA ALÉM DO INDIVÍDUO, QUE O DETÉM E ATINGE A TODOS COM QUEM ELE CONVIVE. ESSAS ENTREVISTAS COM 4 JOVENS EXECUTIVOS SOBRE SUAS CARREIRAS PROFISSIONAIS COMPROVAM A VALIDADE DA TEORIA PSICANALÍTICA CONTIDA NESTA TESE.
Descrição: FEUSP
URI: http://www.bdae.org.br/dspace/handle/123456789/2063
Outros identificadores: Doutorado
EDUCAÇÃO
EXCLUSIVO
Aparece nas coleções:Estudos Psicológicos/Psicanalíticos sobre Juventude

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese.pdf1.15 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador